Anais dos Seminários de Redução, Minério de Ferro e Aglomeração


ISSN 2594-357X

Título

AVALIAÇÃO DO USO DE CARVÃO BRASILEIRO (BARRO BRANCO) NA FABRICAÇÃO DE COQUE METALÚRGICO

ASSEMENT OF BRAZILIAN COAL (BARRO BRANCO) FOR COKE MAKING

DOI

10.5151/2594-357X-30692

Downloads

Baixar Artigo 181 Downloads

Resumo

O presente estudo visou avaliar em escala laboratorial os efeitos da substituição de carvão importado por nacional em misturas típicas para fabricação de coque metalúrgico. Carvão da camada Barro Branco foi amostrado, beneficiado e caracterizado. Misturas entre carvões coqueificáveis importados, coque de petróleo e o carvão brasileiro foram produzidas de modo a permitir a avaliação da influência do carvão nacional na qualidade do coque. O coque gerado no estudo foi produzido em escala de laboratório e posteriormente avaliado a partir de testes de resistência mecânica e reatividade. Os resultados do estudo apontam que a substituição parcial de carvão importado por nacional é viável tecnicamente sem que ocorram prejuízos importantes à qualidade do coque gerado. As diferenças de qualidade dos coques produzidos com ou sem carvão nacional foram menores para misturas com alto teor de inertes, onde as características termoplásticas da mistura passam a controlar a qualidade do coque gerado.

 

The present study aimed at evaluating on a laboratory scale the effects of imported coals substitution by Brazilian coal for coke production. Coal from Barro Branco seam was sample, beneficiated and characterized. Blends of imported coking coals, petroleum coke and Brazilian coal were produced in order to evaluate the influence of Brazilian coal on the quality of coke. The coke was produced in a laboratory scale and later evaluated from mechanical strength and reactivity test. The results of the study indicate that the partial substitution of imported coal by Brazilian coal is technically feasible without causing significant losses on the coke quality. The differences in the quality of the cokes produced with or without Brazilian coal were lower for blends with high inert content, where the thermoplastic characteristics of the coal blends become a controlling factor of coke quality.

Palavras-chave

coque, carvão brasileiro, carvão Barro Branco, propriedades termoplásticas, qualidade de coque

coke, cokemaking, Brazilian coal, Barro Branco coal, thermoplastic properties, coke quality

Como citar

Flores, Bruno Deves; Agra, Anderson Azevedo; Rückert, Matheus Frederico; Schander, Luiz Guilherme; Fraga, Matheus Teixeira; Silva, Guilherme Liziero Ruggio da; Vilela, Antônio Cezar Faria; Osório, Eduardo. AVALIAÇÃO DO USO DE CARVÃO BRASILEIRO (BARRO BRANCO) NA FABRICAÇÃO DE COQUE METALÚRGICO , p. 252-263. In: 47º Seminário de Redução de Minérios e Matérias-Primas, São Paulo, 2017.
ISSN: 2594-357X , DOI 10.5151/2594-357X-30692