Anais dos Seminários de Redução, Minério de Ferro e Aglomeração


ISSN 2594-357X

Título

MAXIMIZAÇÃO DO DESAGUAMENTO DOS RESÍDUOS MINERAIS GERADOS PELA CONCENTRAÇÃO DO MINÉRIO DE FERRO

MAXIMIZING OF IRON ORE TAILINGS DEWATERING

DOI

10.5151/4444-4444-26361

Downloads

Baixar Artigo 546 Downloads

Resumo

Na busca por se tornar cada vez mais sustentável, a indústria mineral vem recorrendo às soluções tecnológicas que minimizem o impacto ambiental gerado pela disposição dos rejeitos resultantes dos processos de beneficiamento de minérios. Neste cenário, umas das soluções é a aplicação de tecnologias de separação sólido-líquido com o objetivo de maximizar o desaguamento dos rejeitos e, consequentemente, diminuir o volume ocupado por eles quando dispostos e aumentar a recirculação de água. Este trabalho tem como objetivo, determinar a influência da concentração de sólidos em polpas de rejeitos denominados de “lamas” no desempenho do espessamento e a determinação da concentração de sólidos ótima para atingir o melhor desempenho do espessador.

 

In the pursuit to become more sustainable, the mineral industry has sought new technological solutions to decrease its ecological footprint generated by tailings disposal of mineral dressing. In this scenario one of the solutions is the application of solid-liquid separation technologies to maximize the tailings dewatering in order to reduce its volume and to increase water recirculation. The purpose of this work is to determine the influence of slurry dilution of tailings called “slimes” on thickening performance and the condition to achieve the best results.

Palavras-chave

Minério de Ferro, Rejeitos, Desaguamento, Espessamento

Iron Ore, Tailings, Dewatering, Thickening

Como citar

Neto, Gil Ribeiro Vilela; Santos, Flávio Augusto dos; Valadão, George Eduardo Sales; Lima, José Renato Baptista de. MAXIMIZAÇÃO DO DESAGUAMENTO DOS RESÍDUOS MINERAIS GERADOS PELA CONCENTRAÇÃO DO MINÉRIO DE FERRO , p. 206-213. In: 45º Ironmaking / 16º Iron Ore / 3º Agglomeration, Rio de Janeiro, 2015.
ISSN: 2594-357X , DOI 10.5151/4444-4444-26361