Anais dos Seminários de Redução, Minério de Ferro e Aglomeração


ISSN 2594-357X

Título

RESULTADOS DA CO-INJEÇÃO DE CARVÃO PULVERIZADO E DE PRODUTOS DE DIÓXIDO DE TITÂNIO SINTÉTICO, PARA PROTEÇÃO DO CADINHO DO ALTO-FORNO No 5 DA ROGESA, APÓS PARADA PARA NOVO REVESTIMENTO

RESULTS OF THE COINJECTION OF PCI AND SYNTHETIC TITANIUM DIOXIDE PRODUCTS FOR PROTECTION OF THE HEARTH OF ROGESA No 5 BF AFTER STOP FOR RELINING

DOI

10.5151/2594-357X-20388

Downloads

Baixar Artigo 41 Downloads

Resumo

Nos alto-fornos no 4 e no 5 da Rogesa (Dillingen, Alemanha), foi injetada em simultâneo uma mistura de carvão pulverizado com pequenas quantidades de diôxido de titânio sintético (Rutilit NF), com o intuito de proteger o cadinho contra erosão prematura. Esta nova técnica é aplicada desde maio de 2008, usando a injeção de carvão pulverizado moído e o equipamento de injeção. A Sachtleben Chemie GMBH, Duisburg (Alemanha) desenvolveu sua gama de "Rutilit" de material de produção sintética, que contém principalmente dióxido de titânio para uso industrial em larga escala. A geometria das partículas e a reduzida média do tamanho das partículas (aprox. 20 μm) destas fontes sintéticas de TiO2 tornam elas particularmente adequadas para injeção contínua através das ventaneiras. Este novo método permite a reparação rápida da zona danificada se ocorrer um ponto quente (hot spot), e prolongou significativamente a vida útil do cadinho dos alto-fornos. Em julho de 2010, o alto-forno no 5 foi parado para reforma, após uma campanha de 13 anos e uma produção acumulada de 29 megatoneldas de gusa. A dissecação das paredes do cadinho por amostras de tarugos mostra as características de um material refratário diferente, bem como os efeitos da aplicação prolongada de titânio sintético. Este documento é um relatório conjunto da AG da Dillinger Hüttenwerke, Rogesa, Dillingen, Alemanha e da Sachtleben Chemie GMBH, Duisburg, Alemanha. Ele examina as vantagens de uma co-injeção prolongada de carvão pulverizado e de dióxido de titânio sintético (Rutilit NF) no alto-forno no 5 e a inspeção do cadinho, após parada para novo revestimento.

 

At Rogesa (Dillingen, Germany) blast furnaces No 4 and No 5 a mixture of pulverized coal and small amounts of synthetic titanium dioxide (Rutilit NF) has been injected simultaneously in order to protect the hearth from premature erosion. This new technique is applied since May 2008 by using the PCI grinding and injection equipment. Sachtleben Chemie GMBH, Duisburg (Germany) has developed its "Rutilit" range of Synthetic produced material which contains mainly Titanium dioxide for large-scale industrial use. The particle geometry and low average particle size of around 20 μm of these synthetic TiO2 sources make them particularly suitable for continuous injection via the tuyeres. This new method permits rapid repair of the damaged area if a "hot spot" occurs and prolonged significantly the life time of the BF hearth. In July 2010 No 5 blast furnace was stopped for relining after a campaign of 13 years and a cumulative production of 29 Mt of HM. The dissection of the hearth walls by core samples shows the characteristics of different refractory material as well as the effects of long term synthetic Titanium application. This paper is a common report from AG der Dillinger Hüttenwerke, Rogesa, Dillingen, Germany and Sachtleben Chemie GMBH, Duisburg, Germany. It examines the benefits of a long term coinjection of pulverized coal and synthetic Titanium dioxide (Rutilit NF) at No 5 blast furnace and the inspection of the hearth after stop for relining.

Palavras-chave

Alto forno; Titanium dioxide; Proteção do cadinho; Reparação; Rutilit.

Blast furnace; Titanium dioxide; Hearth protection; Repair; Rutilit.

Como citar

Hartig, Walter; Amirzadeh-Asl, Djamschid; Fünders, Dieter. RESULTADOS DA CO-INJEÇÃO DE CARVÃO PULVERIZADO E DE PRODUTOS DE DIÓXIDO DE TITÂNIO SINTÉTICO, PARA PROTEÇÃO DO CADINHO DO ALTO-FORNO No 5 DA ROGESA, APÓS PARADA PARA NOVO REVESTIMENTO , p. 496-506. In: 41º Ironmaking and Raw Materials Seminar and 12º Brazilian Symposium on Iron Ore, Vila Velha, 2011.
ISSN: 2594-357X , DOI 10.5151/2594-357X-20388