Anais dos Seminários de Redução, Minério de Ferro e Aglomeração


ISSN 2594-357X

Título

SUBSTITUIÇÃO PARCIAL DE ANTRACITO POR CARVÕES VEGETAIS NA PELOTA CRUA DE MINÉRIO DE FERRO

PARTIAL REPLACEMENT OF ANTHRACITE BY CHARCOAL IN GREEN IRON ORE PELLETS

DOI

10.5151/2594-357X-31374

Downloads

Baixar Artigo 168 Downloads

Resumo

Este trabalho foi patrocinado pela Samarco Mineração, interessada em desenvolver tecnologias alternativas, para a substituição parcial de finos de carvão mineral antracito por carvões vegetais. Realizaram-se testes de queima de pelotas de minério de ferro com o objetivo de substituir o carbono equivalente do carvão mineral, parcialmente, por quantidade equivalente de carbono fixo do carvão vegetal, especificado para cada teste, em função do teor de voláteis. Assim, mantendo o teor de carbono fixo da pelota crua em 1,0% em massa, em base seca, da mistura (minério de ferro, bentonita, calcário e carvão). Foram comparadas as pelotas padrões (produzidas exclusivamente com o carvão mineral) com as pelotas produzidas com a mistura de carvão mineral e o carvão vegetal de eucalipto. A comparação restringiu-se às propriedades físicas das pelotas consideradas mais relevantes pela Samarco Mineração S.A., isto é: resistência à compressão, tamboramento (% em massa retido em 6,3mm) e a abrasão (% em massa passante em 0,5mm). Os resultados obtidos mostram que quando comparados ao padrão do teste, houve sucesso em substituir pelos menos 10,0% do carvão mineral por carvão vegetal de eucalipto repirolisado (teor de voláteis de 11,14%), e de forma similar 7,5% em massa do mesmo carvão, sendo substituído por carvão vegetal de eucalipto (teor de voláteis de 25,98%).

 

This work was sponsorshiped by Samarco Mineração, interested in alternative and biofuel energy, for the partial replacement of anthracite coal fines. Tests were carried out to burn iron pellets with the same amount of the fixed carbon content as when using only the mineral coal fines. In those tests coal should be replaced, partially, for a same amount of charcoal, according its specified volatile content. Thus, the carbon content is maintained at the 1.0% by mass of the dry basis of the mixture (iron ore, bentonite, lime and coal) were compared with the pellets produced with the mineral coal mixture and the eucalyptus charcoal. The comparison was restricted to the physical properties of the pellets considered more relevant by Samarco Mineração S.A.: compressive strength, tumble index (retained at 6.3mm) and abrasion (passing through at 0.5mm). The results obtained show that when compared to the test standard, there was success in replacing at least 10.0% of charcoal with repirolized eucalyptus charcoal (volatile in 11.14%), and similarly 7.5% of the same charcoal, being replaced by eucalyptus charcoal (volatile content of 25.98%).

Palavras-chave

Finos de Carvão Mineral Antracito; Carvão Vegetal de Eucalipto; CO2; Forno de Grelha Móvel

Anthracite Fines in Bulk; Eucalyptus Charcoal; CO2; Travelling Grate Indurating Machine

Como citar

Praes, Gustavo Eduardo; Lemos, Leandro Rocha; Tavares, Roberto Parreiras; Arruda, José Dimas de; Victor, Caio Cardoso Ferreira. SUBSTITUIÇÃO PARCIAL DE ANTRACITO POR CARVÕES VEGETAIS NA PELOTA CRUA DE MINÉRIO DE FERRO , p. 33-44. In: 6° Simpósio Brasileiro de Aglomeração de Minérios, São Paulo, 2018.
ISSN: 2594-357X , DOI 10.5151/2594-357X-31374